Vladimir Kush

Vladimir KUSH, Ripples on the Ocean, (Ondulações no Oceano)

Rumi

A vela do navio do ser humano é a fé.
Quando há uma vela, o vento pode levá-lo
A um lugar após outro de poder e maravilha.
Sem vela, todas as palavras são ventos.

Jalāl-ad-Dīn Muhammad RUMI




sábado, 14 de novembro de 2009

ler muitos livros

"Era uma sensação estranha - não surpreendente, supunha, porque agora tudo me parecia estranho - sentir-me natural em alguma coisa. Como humana, nunca fora a melhor em coisa alguma. (...) Nunca ninguém me atribuíra um prémio por ler muitos livros. Ao fim de dezoito anos de mediocridade, estava mais do que habituada a ser uma criatura mediana. Agora apercebi-me de que pusera de lado, há muito tempo, a aspiração a ser brilhante em algo. Limitara-me a fazer o melhor que podia, com o que tinha e sem nunca me adaptar totalmente ao meu mundo."

Stephenie Meyer, Amanhecer, p. 522, Gailivro, Alfragide, 2009

1 comentário:

L disse...

Conheço casos de gente que passou muitos anos a ler livros e que, anos depois, começou a escrever os seus próprios. Será que aconteceu o mesmo com a própria autora?