Vladimir Kush

Vladimir KUSH, Ripples on the Ocean, (Ondulações no Oceano)

Rumi

A vela do navio do ser humano é a fé.
Quando há uma vela, o vento pode levá-lo
A um lugar após outro de poder e maravilha.
Sem vela, todas as palavras são ventos.

Jalāl-ad-Dīn Muhammad RUMI




terça-feira, 24 de março de 2009

À janela

Estar à janela, namorar à janela...

Hoje vi uma senhora à janela.

Pensei que há muito tempo que não via uma mulher à janela. (Naturalmente no inverno não é nada agradável!)

Esta senhora tinha o ar descansado de quem não tem mais nada que fazer e tinha uma almofada no parapeito e os braços apoiados sobre ela, como quem vai ficar ali muito tempo.

Os pensamentos que me ocorreram são demasiados e demasiado vagos para que os possa escrever, mas suponho que este post há-de fazer correr os vossos pensamentos, que talvez sejam os mesmos ou outros que os meus, que os da senhora à janela, que os de todas as mulheres que alguma vez estiveram, estão ou estarão à janela, que os de todas as pessoas que já viram e hão-de ver mulheres à janela.

-----------------------------------------------------------------------

Algum tempo depois de escrever este post: Agora mesmo fui à janela e vi um cão - ou será uma cadela? - a olhar para mim! Está numa varanda que fica na continuação da parede e só lhe vi a cara - devia dizer o focinho? - e ficámos a ver-nos... Então pensei que me tinha esquecido que não são apenas as pessoas que vêem e pensam... ;) e vim a correr escrever mais isto!

3 comentários:

tomas disse...

as pessoas agora vão menos à janela
porque os caixilhos são de alumínio
e de confortáveis não têm nada

há quem use almofadas
e faz muito bem!
(nos gatos já vêm incluidas)

almariada disse...

Tens razão: a janela é de alumínio e sem almofada seria terrível!

Antes aquelas janelas eram de madeira, agora são de alumínio castanho. De qualquer modo continuam a ser à altura ideal.

WOLKENGEDANKEN disse...

Eu pessoalmente preferiria que as mulheres saissem na rua em lugar de ficar nas janelas que sejam de madeira, de aluminio ou de ouro. Sobre tudo quando as janelas pertencem a jaulas ...