Vladimir Kush

Vladimir KUSH, Ripples on the Ocean, (Ondulações no Oceano)

Rumi

A vela do navio do ser humano é a fé.
Quando há uma vela, o vento pode levá-lo
A um lugar após outro de poder e maravilha.
Sem vela, todas as palavras são ventos.

Jalāl-ad-Dīn Muhammad RUMI




quarta-feira, 8 de abril de 2009

o deserto dá saúde e felicidade

Mauritânia

O xeque, Sidi Ahmed el Beshir Hammadi, falava perfeitamente francês. Depois do jantar, enquanto ele servia o chá de hortelã, perguntei-lhe, ingenuamente, porque é que a vida passada debaixo das tendas, apesar de todas as dificuldades, era irresistível.

-Bah! - disse, encolhendo os ombros. - O que eu gostava mais era de morar numa casa da cidade. Aqui, no deserto, não há maneira de andarmos limpos. Não podemos tomar um duche! São as mulheres que nos fazem viver no deserto. Dizem que o deserto dá saúde e felicidade, a elas e às crianças.

Bruce Chatwin, O Canto Nómada, tradução de José Luís Luna, Quetzal Editores, Lisboa, 2000

2 comentários:

tomas disse...

os oasis são o oposto das ilhas

os opostos tocam-se

as ilhas são oasis

almariada disse...

e as dunas do deserto são ondas secas e lentas, não é?