Vladimir Kush

Vladimir KUSH, Ripples on the Ocean, (Ondulações no Oceano)

Rumi

A vela do navio do ser humano é a fé.
Quando há uma vela, o vento pode levá-lo
A um lugar após outro de poder e maravilha.
Sem vela, todas as palavras são ventos.

Jalāl-ad-Dīn Muhammad RUMI




quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Que linda falua

Ilustração de Henriette Willebeek Le Mair para o livro Pequenas Canções de Há Muito Tempo: Uma colecção de Poemas e Rimas Favoritas - "Little Songs of Long Ago: A Collection of Favorite Poems and Rhymes." 1912,
aqui


A ilustração faz lembrar a "Linda Falua"

Canta a mãe:

Que linda falua
Que lá vem, lá vem
É uma falua
Que vem de Belém

Eu peço ao senhor barqueiro
Se me deixa passar
Tenho filhos pequeninos
Não os posso sustentar

Canta o barqueiro:

Passará, passará
Mas algum ficará
Se não for a mãe da frente
É o filho lá de trás

Encontrei no Youtube um video que faz uma recriação do jogo «laranjas e limões» e é de facto semelhante. Na descrição do vídeo está a letra, que é completamente diferente. No artigo "Oranges and Lemons" da Wikipedia há um artigo em inglês sobre a rima, o jogo e a canção. Provavelmente, tal como o jogo do cordel, este é um jogo antiquíssimo que existe em todo o mundo... 

terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Canal de Salzbach

Entrada para o canal de Salzabach, Wiesbaden, Alemanha. O canal foi construído de 1900 a 1907 segundo o projecto do engenheiro Josef Brix (1859-1943). Salzbach é o nome da ribeira usada para drenar os esgotos da cidade.

O canal foi construído em tijolo e dotado de luz eléctrica. Está aberto a visitas, excepto quando chuvas muito intensas podem aumentar o fluxo de água - por vezes a água chega a encher completamente o canal. Mais fotografias e informação, em alemão, na Wikipedia.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

dançando com as estrelas

Dick Bruna (Hendrik Magdalenus) nasceu em 1927 em Utrecht. A editora holandesa "A. W. Bruna & Zoon" foi criada pelo pai.

As capas que criou para os livros policiais "Inspector Maigret" de Georges Simenon, baseadas em cachimbos, são bastante famosas, mas ele é mais conhecido pelos livros infantis.

Em Portugal "A coelhinha" ou "O coelhinho" foram as primeiras traduções de "Nijntje", em inglês "Miffie".

Este desenho está à venda por £1250 em The Illustration Cupboard.

terça-feira, 21 de janeiro de 2014

de passagem pela ignorância

nem sabemos de onde viemos nem para onde vamos,
nem porque estamos de passagem por esta ignorância ...
às vezes parece-nos que isto é triste,
outras vezes que é divertido ... :)
certo é que ...
não há maneira certa de dizer isto ...
nem motivo nenhum para tentar 

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Mikhail Shufutinskiy - Alfaiate Judeu



Está calmo como no paraíso
As estrelas acima do shtetl estão altas e brilhantes
Eu canto para mim mesmo
Eu corto para mim mesmo
A noite desceu
Descansem crianças, o dia foi muito quente
Ponto após ponto
É difícil ganhar um centavo ultimamente

Coro: Oy vey

Houve um tempo em que eu era forte
Mas agora não sou o mesmo
Os anos fizeram-me cair o cabelo
E o meu casaco está muito usado
Havia um judeu
Que uma vez disse
Que tudo passa
O Sol, vey oy , também cai no fim de cada dia
Mas vai nascer de novo, infelizmente eu não
Quem vai vesti-los com estilo e à moda depois de mim?

Minha querida menina,
Amanhã de manhã vais voltar de novo para mim
Minha querida, meu feigele (pássaro)
Tens os olhos tristes.
O pai vai sussurrar uma piada no teu ouvido
E tu vais rir
As pessoas são tão diferentes
E também as canções
Há-de chegar o dia seguinte
e teremos comida
Não te apresses a viver a tua vida
Às vezes um homem pobre é mais rico
Aquele que não poupou muito
Aquele que já não tem nenhumas obrigações
Um fio, um pedaço de veludo e algumas agulhas
É isso
E também o Talmud numa estante de livros
Gostaria que a minha vida ficasse assim
Mas vejo o sol cada vez menos

Houve um tempo em que eu era forte
Mas agora não sou o mesmo
Os anos fizeram-me cair o cabelo
E o meu casaco está muito usado
Havia um judeu
Que uma vez disse
Que tudo passa

Está calmo como no paraíso
As estrelas acima do shtetl estão altas e brilhantes
Eu canto para mim mesmo
Eu corto para mim mesmo
Eu canto para mim mesmo

terça-feira, 14 de janeiro de 2014

Contos dos Povos de Angola

Capa do livro russo "Contos dos Povos de Angola" (Сказки народов Анголы) publicado em 1975.

Imagem aqui. Creio que o autor da capa se chama S. Yoockin (С. Юкин).

Anedota russa: "Há uma lei cruel no interior da selva africana: os maus caçadores vão estudar para Moscovo." :)

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Pináculo de Catedral

Pináculo da Catedral da Ressurreição do Salvador do Sangue Derramado, São Petersburgo.
Uma das fotografias tiradas por jovens russos que treparam até ao cimo, aqui.